Musculação na adolescência

O interesse dos adolescentes pela musculação tem se manifestado cada vez mais cedo.
Até pouco tempo atrás, os especialistas seriam unânimes em proibir a musculação durante a puberdade. Os hebiatras (médicos em adolescentes), todavia, têm substituído a proibição por uma recomendação: a de ter cuidado com a quantidade de peso usada nos exercícios e acompanhar o que o filho faz na academia.
“A musculação pode ser feita na adolescência, desde que bem supervisionada e SEM a intenção de ganhar musculatura”. Assim como outras atividades, ela evita o sedentarismo, melhora o condicionamento cardiovascular, a flexibilidade e as habilidades motoras.
Aumentar a massa muscular, no entanto, só pode se tornar objetivo após o pico do estirão do crescimento, quando o corpo deixa para trás as feições infantis e ganha as características adultas.
Nas meninas, ele costuma ocorrer entre 12 e 14 anos. Nos meninos, entre 14 e 16 anos.
O risco de começar a fazer musculação antes do auge do estirão, com o objetivo de ganho de músculos, é de um sério prejuízo ao crescimento e de ocorrer danos à coluna.
O ideal é acompanhar com o seu Hebiatra que definirá a hora certa para cada caso.
#clinicapieri #medicinadoadolescente #adolescente #hebiatria #hebiatra
#psiquiatriaadolescente #adolescência #campinas #medicina #clinica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *